Medicamentos e dispositivos médicos

01-02-2018

Os medicamentos e os dispositivos médicos estão sujeitos às regras do mercado único e têm um impacto direto na saúde das pessoas. O sólido quadro jurídico existente permite proteger a saúde pública e garantir a segurança destes produtos e cobre todo o seu ciclo de vida, dos ensaios e testes à vigilância e retirada de circulação, passando pela autorização de colocação no mercado. O acesso a medicamentos a preços acessíveis, a luta contra a resistência aos agentes antimicrobianos, a conduta ética nos ensaios clínicos e os incentivos à investigação e ao desenvolvimento são apenas algumas das questões fundamentais neste domínio de que a UE se ocupa. A fim de acompanhar os progressos científicos e tecnológicos e reagir às novas ameaças para a saúde, as medidas legislativas e políticas são objeto de uma avaliação e de um seguimento regulares.

Os medicamentos e os dispositivos médicos estão sujeitos às regras do mercado único e têm um impacto direto na saúde das pessoas. O sólido quadro jurídico existente permite proteger a saúde pública e garantir a segurança destes produtos e cobre todo o seu ciclo de vida, dos ensaios e testes à vigilância e retirada de circulação, passando pela autorização de colocação no mercado. O acesso a medicamentos a preços acessíveis, a luta contra a resistência aos agentes antimicrobianos, a conduta ética nos ensaios clínicos e os incentivos à investigação e ao desenvolvimento são apenas algumas das questões fundamentais neste domínio de que a UE se ocupa. A fim de acompanhar os progressos científicos e tecnológicos e reagir às novas ameaças para a saúde, as medidas legislativas e políticas são objeto de uma avaliação e de um seguimento regulares.