Segundo pilar da PAC: a política de desenvolvimento rural

01-04-2018

Como segundo pilar da política agrícola comum (PAC), a política de desenvolvimento rural da UE destina-se a apoiar as zonas rurais da União e a dar resposta à grande diversidade de desafios económicos, ambientais e sociais do século XXI. Um maior grau de flexibilidade (comparativamente ao primeiro pilar) permite que as autoridades locais, regionais e nacionais elaborem os respetivos programas individuais de desenvolvimento rural de sete anos com base num «menu» de medidas europeias. Ao contrário do primeiro pilar, que é inteiramente financiado pela UE, os programas do segundo pilar são cofinanciados por fundos da UE e por fundos regionais ou nacionais.

Como segundo pilar da política agrícola comum (PAC), a política de desenvolvimento rural da UE destina-se a apoiar as zonas rurais da União e a dar resposta à grande diversidade de desafios económicos, ambientais e sociais do século XXI. Um maior grau de flexibilidade (comparativamente ao primeiro pilar) permite que as autoridades locais, regionais e nacionais elaborem os respetivos programas individuais de desenvolvimento rural de sete anos com base num «menu» de medidas europeias. Ao contrário do primeiro pilar, que é inteiramente financiado pela UE, os programas do segundo pilar são cofinanciados por fundos da UE e por fundos regionais ou nacionais.